Dicas Sem categoria

O Dólar aumentou. E agora?

É pessoal… junho começou e o Dólar parece um rojão de festa junina, explodindo na na cabeça de quem está com a viagem marcada.

E é por isso que juntei aqui rapidinho algumas dicas que podem te ajudar a manter e a sobreviver à sua viagem ao exterior em tempos de cotação maluca. Anota aí:

  1. Compre Dólar aos poucos – não deixe nunca para comprar moeda para sua viagem na véspera. Assim que começar a planejá-la já vá comprando aos poucos. O ideal é sempre comprar um pouco quando a cotação está baixa, e um pouco quando está com previsão de alta. Assim você consegue garantir uma taxa média mais equilibrada, e não corre o risco de entrar em pânico se houver uma alta maior logo antes da sua viagem.
  2. Cartão de Crédito só para emergências – lembre que gastos no cartão estão sujeitos a cotação futura, e ainda tem a incidência de IOF. Portanto, o ideal é seguir o item 1 e deixar os cartões de créditos apenas para alguma emergência ou eventualidade.
  3. Escolha hospedagens com melhor custo benefício – se aquele super resort bacana dos seus sonhos não vai mais caber no seu bolso por causa do dólar, que tal procurar um hotel legal, bem avaliado, que atenda as necessidades da sua viagem? Muitas vezes é uma boa saída. Escolher hotéis com café da manhã incluso também ajuda bastante no orçamento da sua viagem. Mas aqui vai um alerta importante: em se tratando de hotel, jamais procure apenas pelo preço! Pesquise, veja se ele oferece segurança aos hóspedes e principalmente se é bem avaliado em sites especializados como o TripAdvisor, por exemplo.
  4. Emita passagens com milhas – se ainda não emitiu seus bilhetes, procure usar suas milhas. E se ainda não faz parte de nenhum programa de milhagens, cadastre-se em um agora! Se tem cartão de crédito, vincule-o a um desses programas. Você vai estar fazendo seu dinheiro trabalhar em seu favor, e economizar muito em viagens.
  5. Não deixe para última hora – quanto mais cedo você começa a programar uma viagem, maior flexibilidade de escolha você terá. Você terá tempo para decidir, por exemplo, a data de fechamento do pacote no caso de uma previsão de grande alta de moeda estrangeira. Fechando sua viagem na véspera, não terá esta flexibilidade, e corre o risco de fechar com altas taxas.
  6. Repense suas compras – corte os gastos que você previa para compras, e dê prioridade à alimentação e aos passeios que você deseja fazer na viagem. Se mesmo com o Dólar alto você ainda irá fazer compras, defina um valor limite e procure não ultrapassá-lo, e procure promoções. Saiba os preços das coisas que você quer comprar aqui no Brasil, para ter certeza que lá estará mais barato mesmo.
  7. Faça um roteiro bem pensado e de acordo com as suas possibilidades – faça um roteiro, liste os passeios que você quer fazer destacando quais são os prioritários. Avalie os custos de cada um, e veja quais irão caber no seu orçamento. Ter o auxílio de um consultor ou agente de viagens especializado no seu destino pode ajudar muito a definir qual o melhor roteiro  para você e sua família.
  8. Programe sua alimentação e pesquise restaurantes – se o seu quarto de hotel tiver mini cozinha, ou se estiver hospedado em casa de aluguel, procure fazer refeições e lanches com itens comprados no supermercado. E pesquise sobre os restaurantes que deseja ir, saiba o valor médio da refeição. A maioria disponibiliza esta informação nos seus sites.
  9. Mantenhas seus documentos e vistos atualizados – sempre deixe um alerta para avisá-lo sobre o vencimento de seu passaporte e vistos aproximadamente 8 meses antes da data de expiração. Lembre que as taxas de visto são altas e em Dólar, e portanto é sempre bom ter tempo para programação de verba para a emissão ou renovação dele. Sem falar que evita correrias e nervosismos desnecessários em véspera de viagem.

É isso aí pessoal… estas são apenas algumas dicas que inclusive estamos usando no planejamento de nossas próximas viagens, para evitar surpresas desagradáveis com flutuações de câmbio. Espero que ajudem!!

Fizemos há algum tempo passado este post aqui e este aqui também, sobre economia em viagem a Orlando, que também podem ajudar. Tem algumas dicas parecidas com essas de hoje, mas é sempre útil!

Se você tem mais alguma dica pra não deixar a alta do Dólar prejudicar a sua viagem, posta aqui nos comentários!

lifetime-2

um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.